O Lado Musical de Portugal - F de Faro

4 minutos de leitura

Esta é uma história traduzida com a ajuda da tecnologia.

Este texto foi traduzido para Português a partir do original em English

Fiz artigos sobre os maiores festivais de música por todo o país, desde o quente e eletrónico Meo Sudoeste, o Super Bock Super Rock de Lisboa e o enorme NOS Alive, passando pelos indies do norte Primavera Sound e Paredes de Coura. Esta série foi dedicada a esse tipo de festivais, os maiores! Mas não podia deixar passar a oportunidade de te escrever sobre um festival muito próximo de mim: o Festival F, da minha cidade natal.

Festival F

Este festival está localizado em Faro, onde nasci, por isso é um cenário que me é muito familiar. O F começou há cerca de quatro anos como um pequeno evento musical dentro das muralhas do velho castelo, na Vila Adentro (cidade velha de Faro), e em cada ano consecutivo tem crescido cada vez mais, apresentando não só música mas também teatro, comédia, discussões e muitos outros eventos. O seu slogan é “O último dos grandes festivais de Verão”, devido à sua realização no início de Setembro, e apesar de não ser tão grandioso como o NOS Alive ou o Meo Sudoeste, ganhou realmente muita tracção, com o seu alinhamento cada vez maior e bonita localização.

Vila Adentro
Vila Adentro
Praça D. Afonso III 17, 8000-167 Faro, Portugal

F é de Diversão

Onde é?

Faro é a capital do Algarve, a região sul de Portugal, conhecida por ser um fantástico destino de férias. Em Faro, perto das docas e do centro da cidade, está a Vila Adentro, um pedaço de história preservado dentro dos restos das muralhas do velho castelo. Aqui é onde se realiza o festival, o que eu acho meio caricato, porque nenhum outro festival é realizado em tal local, embora seja uma chatice quando as ruas estreitas e antigas se enchem de gente entre concertos! A primeira edição do festival realizou-se apenas na praça principal do Vila Adentro, a Praça Afonso III, mas expandiu-se para quase todos os cantos da cidade velha, como a Sé, o Museu, a Associação de Músicos da região, e até um pouco para o exterior, no Largo de São Francisco, com vista para a deslumbrante Ria Formosa.

Museu Municipal de Faro
Museu Municipal de Faro
Praça Dom Afonso III, 8000-167 Faro, Portugal
Sé de Faro
Sé de Faro
Largo da Sé 11, 8000-138 Faro, Portugal
Associação de Músicos de Faro (ARCM)
Associação de Músicos de Faro (ARCM)
Largo de São Francisco
Largo de São Francisco

Entrada para o local, perto da Sé (catedral)

Como lá chegar?

O festival não tem um parque de campismo oficial, o que é uma pequena decepção, mas é normal na maioria dos festivais localizados nas cidades. Mas sendo uma cidade no Algarve, Faro tem muitas opções diferentes em hotéis, pousadas e outros locais do género. Faro não é difícil de alcançar, uma vez que muitos transportes diferentes (autocarros, comboios e auto-estradas) podem levá-lo até lá, e mesmo chegar ao festival não é difícil se não formos de carro; resumindo, não é difícil lá chegar, apenas é difícil estacionar. Mas há autocarros que levam regularmente passageiros ao festival durante os seus três dias de duração.

Palco principal no Festival F.

O que ver?

Há duas coisas que eu gosto na programação do festival e coisas que eu não gosto. Gosto muito do facto deste festival ser composto exclusivamente por artistas portugueses! Apenas portugueses! E só este ano foi o primeiro em que repetiram alguns desses artistas, o que é muito raro em festivais desta escala! É claro que eu também gosto do facto de um evento cultural tão grande estar a ter lugar em Faro, é realmente fantástico ver muitos dos seus residentes tirarem a noite para apreciar a música. E vais ter muito para desfrutar! Desde que F trouxe para a sua formação grandes músicos como Dead Combo, Manel Cruz, Ana Moura e Salvador Sobral!

Salvador Sobral no Festival F.

Mas a infinidade de coisas para ver também tem a ver com o que eu não gosto. O Festival F é um festival muito familiar, por isso entendo a necessidade de ter uma miríade de eventos, mas o festival tem demasiado para oferecer (o que pode parecer uma queixa estranha). Este ano o festival realizou-se em sete palcos! Isso é mais do que NOS Alive! Com música, comédia, discussões, performances de rua, workshops, exposições e muito mais. E num festival realizado em ruas apertadas, ter demasiadas coisas para ver pode ser avassalador. Portanto, o meu conselho é evitar os momentos mais movimentados (como o final de um concerto) para se movimentar. Mas não se desanime, não se arrependerá da diversão que terá com o Festival F.

Performance de rua no Festival F.

Sinta-se à vontade para experimentar os muitos festivais de música que Portugal tem para oferecer, tais como este; para mais dicas sobre outros festivais veja alguns dos meus outros artigos, ou leia este do editor Vasco.

Todas as fotos foram cortesia da página Facebook oficial do Festival F.


O autor

André Jesus

André Jesus

Eu sou André, de Portugal. Cresci no sul, mas vivo em Lisboa. Sempre que posso, saio e experimento o que Portugal tem para oferecer. E estou aqui para partilhar essas experiências!

Histórias de que também poderá gostar