Lojas históricas de Lisboa 3: descobrir os restaurantes clássicos

5 minutos de leitura

Esta é uma história traduzida com a ajuda da tecnologia.

Este texto foi traduzido para Português a partir do original em English

Muito do charme de Lisboa vem da união, em contínua evolução, da tradição e da contemporaneidade, do velho e do novo, da convivência local e global. A cidade está repleta de lojas fantásticas que, assegurando o comércio que mantém a cidade viva, ajudam a lembrar-nos desta ligação ao passado, do seu lugar na cultura portuguesa, e de como é importante preservá-la olhando para o futuro.

A melhor forma de saborear a cozinha tradicional portuguesa é ir às casas que o fazem há décadas. Elas estão apresentadas abaixo, juntamente com restaurantes de cozinha estrangeira e um para ocasiões especiais. A maioria deles não era só a escolha óbvia para almoço ou jantar, mas também um lugar de discussão, de partilha entre clientes e empregados, um ponto de encontro de trabalhadores, escritores e intelectuais. Hoje em dia, estas casas ainda preservam a sua atmosfera acolhedora de antigamente, servindo ao mesmo tempo o melhor da gastronomia portuguesa. Espalhados pelo centro da cidade, os restaurantes também lhe dão uma boa razão para passear, descobrindo Lisboa!

Leão D'Ouro - a taberna dos artistas

Leão D'Ouro
Leão D'Ouro
R. 1º de Dezembro 105, 1200-016 Lisboa, Portugal

O Leão D'Ouro abriu na viragem do século XX, como uma cervejaria que mais tarde se tornou num restaurante. Hoje em dia, o amplo espaço do Leão D'Ouro abriga um restaurante, um buffet e uma taberna. Esta é a famosa casa que serviu de ponto de encontro para um notável grupo de artistas portugueses da época, o Grupo do Leão. Tem espetáculos de fado ocasionalmente e oferece fantásticas variações sobre cozinha portuguesa.

Adega Machado - música e gastronomia tradicionais

Adega Machado
Adega Machado
Rua do Norte, nº 91, 1200-284 Lisboa, Portugal

Este restaurante histórico passou por momentos emocionantes e também conturbados ao longo das suas longas décadas de existência. A Adega Machado começou por ser um restaurante com espetáculos de Fado ao vivo, com Amália Rodrigues como convidada habitual, e desde então tem seguido essa tradição, e feito parte da história do Fado, ajudando a manter a música viva e oferecendo uma grande variedade de pratos típicos portugueses.

Leitaria "A Camponeza" - rural e urbana

Leitaria "A Camponeza"
Leitaria "A Camponeza"
R. dos Sapateiros 155, 1100 Lisboa, Portugal

Originalmente uma loja de leite, A Camponeza abriu em 1907. Mais de cem anos depois, a casa é hoje um restaurante com ligação visível aos primeiros tempos, quando Lisboa era tão cosmopolita como rural. Aqui poderá desfrutar da cozinha típica, de um ambiente art-nouveau tradicional e dos belos mosaicos que lhe contam a história da casa e da cidade.

Restaurante Estrela da Sé - estrela tradicional

Estrela da Sé
Estrela da Sé
Largo Santo António da Sé 4, 1100-404 Lisboa, Portugal

Este restaurante rústico e íntimo remonta a 1857. Se está à procura de algo diferente, aqui pode pedir para almoçar ou jantar num pequeno gabinete privado, feito de pinho ornamentado. É um dos últimos restaurantes onde é possível fazer isto, uma tendência dos tempos mais antigos! O menu da Estrela da Sé oferece cozinha portuguesa e a casa é famosa pelas suas muitas especialidades.

Casanostra - l'italiano vive a Lisbona

Casanostra
Casanostra
Tv. do Poço da Cidade 60, 1200-049 Lisboa, Portugal

No meio do Bairro Alto encontrará esta acolhedora casa onde a gastronomia italiana é rainha. Quando a Casanostra abriu, em 1986, oferecia pratos desconhecidos para a maioria. Está aqui há mais de 30 anos, e tornou-se um lugar de encontro, sempre em torno de uma mesa de conceções peculiares da cozinha italiana. Também é palco de eventos ocasionais, de diferentes tipos. É um lugar a descobrir!

Galeto - informal e moderno

Galeto
Galeto
Av. da República 14, 1050-191 Lisboa, Portugal

Aberto desde 1966, o Galeto ganhou reputação numa altura em que o bairro das Avenidas Novas se estava a desenvolver. Adaptou a ideia de um 'snack-bar', com balcões extensos e um ambiente de refeições rápidas e informais, para acompanhar o ritmo modernizado da cidade. Vale a pena descobri-lo só pelo seu design! Pode passar por aqui para o pequeno-almoço, almoço e jantar, com um cardápio de refeições, lanches e bebidas variadas.

Restaurante Faz Frio - rústico e acolhedor

Faz Frio
Faz Frio
R. Dom Pedro V 96, 1250 Lisboa, Portugal

Este é um restaurante popular que resiste no Príncipe Real há mais de cem anos! No Faz Frio, a cozinha portuguesa é tratada com respeito pela tradição mas também de forma criativa. O bacalhau, por exemplo, é cozinhado de forma diferente todos os dias da semana! Os pratos de peixe e marisco são uma especialidade da casa, que é decorada com madeira, desenhos de antigos ofícios, ladrilhos e mosaicos, dando uma sensação de acolhedora tradição!

Restaurante João do Grão - um nome lendário

Joao do Grão
Joao do Grão
R. dos Correeiros 222, 1100 Lisboa, Portugal

O restaurante João do Grão existe há muito tempo, o que tornou possível a proliferação de histórias e lendas sobre o nome do primeiro dono. Se ainda não experimentou bacalhau em Portugal, este é o sítio certo para o fazer! Tem sido uma especialidade da casa desde os velhos tempos, quando estava aberta 24 horas por dia para acolher os boémios locais. Hoje, é uma casa tradicional com uma atmosfera clássica e com ótimas refeições portuguesas!

Restaurante Tavares - o mais requintado de todos eles

Restaurante Tavares
Restaurante Tavares
R. da Misericórdia 37 R/C, 1200-270 Lisboa, Portugal

O requintado Tavares tem vindo a manter a sua posição no Chiado há mais de 200 anos! Durante esse tempo tem crescido de maneiras diferentes, e o que torna esta casa tão peculiar hoje em dia são as paredes, o teto e a decoração profusamente ornamentados e refinadas. Para onde quer que olhe, verá folha de ouro, espelhos, objetos de requinte e embelezamentos, tornando este um local preferido mais para uma certa elite do que para a pessoa comum. Mas pode ser uma ótima escolha para um dia especial!

Martinho da Arcada - um restaurante pela cultura

Martinho da Arcada
Martinho da Arcada
Praça do Comércio 3, 1100-148 Lisboa, Portugal

Este café e restaurante desempenhou, como muitos outros cafés que persistiram ao longo dos tempos, um papel significativo no património cultural de Lisboa. Hoje, esse património é partilhado com todos os visitantes. Antigamente, os artistas e intelectuais locais encontravam-se aqui, e um poeta em particular: Fernando Pessoa, que aqui apreciava, particularmente, o absinto. Agora, o lugar está decorado com cartas, desenhos, poemas e outras referências. O Martinho da Arcada tornou-se património nacional em 1982, por isso pode ter a certeza que é muito mais do que um restaurante!

Acompanhe o resto da série Lojas Históricas de Lisboa visitando os cafés históricos, descobrindo as lojas de Confeitaria e passando pelas lojas de Licores e Bares!


Cidades interessantes relacionadas com esta história


O autor

Vasco Casula

Vasco Casula

Sou Vasco e venho de Portugal. Além de tocar guitarra e trabalhar em filmes de animação, gosto de descobrir e deixar-te descobrir lugares como Portugal!

Histórias de que também poderá gostar